Programação completa do Memorial dos Povos Indígenas em Abril

No mês de abril, quando diversas lideranças indígenas de todas as regiões do Brasil se reúnem em Brasília (DF), o Memorial dos Povos Indígenas (MPI) apresenta uma Programação Especial. Com início no dia 13 de abril, a programação inaugura as ações do Projeto Culturas Vivas – Memorial dos Povos Indígenas, uma parceria entre o Centro de Trabalho Indigenista e a Secretaria de Cultura do Distrito Federal.

Diante de um contexto atual marcado por tensas relações, que por vezes submetem as comunidades indígenas ao preconceito social, à exclusão, à violência e à privação de direitos, a dinamização do MPI pretende constituir um espaço que possibilite a articulação entre diversos povos indígenas e a aproximação com a sociedade envolvente. O patrimônio artístico e cultural dos povos indígenas é a força motriz dessa aproximação que pode contribuir para libertar a sociedade brasileira da concepção colonialista etnocentrada em que ainda estão baseadas as relações da sociedade brasileira com as nações indígenas.

Para participar das Vivências Interculturais, os interessados deverão preencher o Formulário de Inscrição Abril Indígena no MPI.

Confira a programação:

 

 

  •   Ocupação Culturas Vivas (Espaço Expositivo)

De 13 de abril a 30 de junho
Horários de visitação: terça a domingo das 10h às 21h (durante o mês de abril); terça a domingo das 9h às 17h (de maio a junho).

 

  •   Vivências Interculturais (No Terreiro do MPI)

A Arte da Cerâmica
Sexta, dia 13/04 – das 14h às 18h
Sábado, dia 14/04 – das 10h às 16h

A arte da Pintura Corporal
Sexta, dia 20/04 –  das 15h30 às 19h30
Sábado, dia 21/04 –  das 10h às 16h

A arte da Cestaria
Sexta, dia 27/04 –  das 16h às 20h
Sábado, dia 28/04 – das 10h às 16h

 

  •   Cine Debate (No Terreiro do MPI)

24 de abril (terça) 19h:
– Índios no Poder
– Martírio

25 de abril (quarta) 19h
– Para´i
– Ex-Pajé

26 de abril (quinta) 19h
– Tapayuna
– Piripkura

27 de abril (sexta) 18h
– Yawalapiti – Entre Tempos (Atividade com Apresentação de Luta; Bate Papo com Lideranças do Povo Yawalapiti, e Exibição de Fotos)
– Tempo de Kuarup
– Índio Presente